topo
Motociclista embriagado se envolve em acidente e é preso pela PRF na BR-010 no MA Motociclista embriagado se envolve em acidente e é preso pela PRF na BR-010 no MA
Motociclista que não teve a sua identidade revelada foi preso na noite de quarta-feira (7) em Imperatriz.
Por Redação /F | 09/08/2019 ás 07h24

Um motociclista em estado visível de embriaguez, que não teve a sua identidade revelada, se envolveu em um acidente e foi preso na noite de quarta-feira (07/08) pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) na BR-010 na cidade de Imperatriz, a 626 km de São Luís.

Segundo a PRF, por volta das 20h45 os policiais rodoviários compareceram no km 253 da BR-010, em Imperatriz, após comunicação da Polícia Militar sobre acidente de tráfego. Chegando ao local, foi confirmado o acidente de trânsito e a PRF verificou que um dos envolvidos estava algemado e custodiado pela guarnição da Polícia Militar (PM).

De acordo com a PRF, na ocasião, o condutor da motocicleta de placa aparente NHS-2467 estava em visível estado de embriaguez alcoólica e extremamente agressivo para com os policiais. Ele pilotava a motocicleta de placa aparente NHS-2467, porém, após identificação dos elementos identificadores (chassi e número do motor) do veículo foi constatado que na verdade tratava-se de uma motocicleta de placa NHF-9863.

No acidente, o autor colidiu na traseira da motocicleta OJE-1520, lesionando condutora e passageira da motocicleta. Ambas foram socorridas ao Hospital Municipal de Imperatriz. Mediante orientação a ser submetido a teste de alcoolemia, o envolvido recusou-se, sendo registrada a recusa no Termo de Constatação de Sinais de Alteração da Capacidade Psicomotora.

No hospital, um médico de plantão atestou a embriaguez do motociclista, que em seguida foi conduzido para o Plantão Central da Polícia Civil em Imperatriz. O condutor causador do acidente não possui Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

Diante das informações obtidas foram constatados os delitos de conduzir veículo com capacidade psicomotora alterada em razão da influência de álcool, embriaguez ao volante, lesão corporal culposa na direção de veículo e adulteração de sinal identificador de veículo automotor. A motocicleta ficou retida no pátio da PRF no bairro Lagoa Verde, em Imperatriz.

Fonte: G1 MA

 
Relacionadas

Categorias:  

Imperatriz